“A Felicidade só é real quando partilhada”

Escrita por Christopher McCandless, um herói para mim, esta afirmação é verdadeira na sua íntegra. Para além de ser algo que procuramos incessantemente – o estado supremo do nosso bem-estar – é também algo que, partilhado com as pessoas que mais estimamos, se torna ainda maior – maior do que a própria vida. A Felicidade é única para cada um, pois cada um sabe o que o deixa feliz, verdadeiramente feliz. Ou talvez não. Talvez estejam ainda a traçar esse percurso, de longe o percurso mais entusiasmante que consigo imaginar. A procura da Felicidade, como já referi no meu poema, Felicidade, é um caminho por vezes moroso, penoso, mas que é compensado quando é efectivamente atingido. Melhor ainda, é quando o conseguimos atingir sabendo que alguém nos apoiou. Essa sim, é uma emoção indescritível.

Partilharmos a nossa felicidade com os nossos estimados é sublime, é mágico. Até mesmo nas pequenas coisas, quando algo nos faz rir, é tão melhor partilhá-lo com alguém! Creio que a nossa vivência humana está adaptada para que partilhemos todos os bons momentos da nossa vida. E não é isso que torna tudo especial? Para mim, é único. Sei-o por experiência que sentir-me feliz e não o partilhar com alguém para mim especial é como aguardar com entusiasmo, e em silêncio, a chegada de um comboio que nunca virá. Por isso, partilhemos a nossa felicidade sabiamente com os nossos estimados!

 

Elisabete Martins de Oliveira
04/03/2018

Publicado por

Nascida no dia da Liberdade, trago-a comigo na mente todos os dias. Sou companheira da Natureza, da sua simplicidade e complexidade, e aprecio o seu silêncio e os seus tão magnos sons – especialmente os do Mar. Tenho um encanto pela Música, pela inspiração que me traz para todos os momentos da minha vida. Sou apaixonada por viagens e autocaravanas, e por tudo o que o mundo me pode ensinar. E sou amante da Escrita, aquilo que me define, o mais incrível e deslumbrante modo de vida que consigo conceber.