Uma breve descrição do Amor

         O amor pode ser uma palavra de quatro letras. Mas é muito mais do que isso.

         Amor é o abraço reconfortante, é o beijo tão aguardado, é a construção de projectos de vida em conjunto. É partilhar as emoções, as ideias, a intimidade com outra pessoa.

         É sentirmos que, juntos, somos imbatíveis, quais super-heróis, e que conseguiremos enfrentar todo e qualquer obstáculo que nos surja. Sem medo. Com uma força conjunta que flui entre nós.

      Ah, o amor é deslumbrante. É um sentimento belo, é formar uma identidade em conjunto com a outra pessoa, é como se já não nos lembrássemos de quem éramos antes de a termos conhecido.

         É partilhar a mantinha no sofá, ver filmes e séries aconchegadinhos, é rir às gargalhadas em conjunto, viajar e aventurar-nos sem receio, porque nos temos um ao outro. É também chorar no ombro do outro quando não aguentamos mais, quando a esperança parece escurecer no horizonte. É o brilho do sentimento que permanece quando tudo o resto se parece desmoronar. O amor é tudo isto e muito mais.

         Então, o amor não é lindo? O amor é único em todas as suas formas e feições. Torna-nos mais jovens, mais aventureiros, mais felizes. E, no fundo, não é isso que procuramos?

Elisabete Martins de Oliveira

08.04.2019

Publicado por

Nascida no dia da Liberdade, trago-a comigo na mente todos os dias. Sou companheira da Natureza, da sua simplicidade e complexidade, e aprecio o seu silêncio e os seus tão magnos sons – especialmente os do Mar. Tenho um encanto pela Música, pela inspiração que me traz para todos os momentos da minha vida. Sou apaixonada por viagens e autocaravanas, e por tudo o que o mundo me pode ensinar. E sou amante da Escrita, aquilo que me define, o mais incrível e deslumbrante modo de vida que consigo conceber.