Os Portugueses (Parte II)

Os Portugueses (Parte II)
E quando se jogava à “macaca”?

E recordam-se, então,

dos tempos de infância,

em que tudo, mesmo tudo,

era mais simples.

 

Era a liberdade,

era a ausência de preocupações,

era a família grande e unida

que se reunia para almoços e jantaradas.

 

Hoje, olham para o presente,

e é a preocupação constante

para irem ver a família,

será que podem tirar férias?

 

Têm mais posses, é verdade,

mas com elas vêm dores de cabeça,

o desassossego incessante

que não os deixa dormir à noite.

 

Ah, como tudo seria mais fácil

se vivessem numa ilha paradisíaca,

junto apenas da tranquila alegria

e longe da imensa correria!

 

Elisabete Martins de Oliveira

26.06.2019

Publicado por

Nascida no dia da Liberdade, trago-a comigo na mente todos os dias. Sou companheira da Natureza, da sua simplicidade e complexidade, e aprecio o seu silêncio e os seus tão magnos sons – especialmente os do Mar. Tenho um encanto pela Música, pela inspiração que me traz para todos os momentos da minha vida. Sou apaixonada por viagens e autocaravanas, e por tudo o que o mundo me pode ensinar. E sou amante da Escrita, aquilo que me define, o mais incrível e deslumbrante modo de vida que consigo conceber.