Dica #20 – Chama-te de escritor/a

As ideias e as histórias passeiam pela tua mente. Com regularidade, sentas-te à secretária e começas a povoar páginas em branco com palavras tuas, da tua autoria. Crias mundos, enredos e personagens a partir da tua imaginação, com uma nitidez tão brilhante que parecem reais!

E, no entanto, recusas a chamar-te de escritor/a. Dizes, e ouves dizer, que escritores são aqueles que são publicados. Na verdade, porém, um/a escritor/a é aquele/a que:

  • Tem uma imaginação impossível de conter;
  • Cria histórias com princípio, meio e fim de raiz;
  • Tem uma vontade insaciável de escrever;
  • Fica frustrado/a quando não escreve.

Esta é parte da definição do que é ser escritor/a. Não importa se tens ou não algo publicado. Se escreves e gostas genuinamente de escrever, então, mereces este título. Por isso, continua a produzir as tuas histórias, dedica-te a elas e diz ao mundo, com orgulho, ‘Eu sou escritor/a!’

E tu, a quantos destes tópicos respondeste afirmativamente?

Elisabete Martins de Oliveira

23.09.2020

Publicado por

Nascida no dia da Liberdade, trago-a comigo na mente todos os dias. Sou companheira da Natureza, da sua simplicidade e complexidade, e aprecio o seu silêncio e os seus tão magnos sons – especialmente os do Mar. Tenho um encanto pela Música, pela inspiração que me traz para todos os momentos da minha vida. Sou apaixonada por viagens e autocaravanas, e por tudo o que o mundo me pode ensinar. E sou amante da Escrita, aquilo que me define, o mais incrível e deslumbrante modo de vida que consigo conceber.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s