O trabalho enquanto identidade

Esta expressão, é certo, não é uma novidade. Desde há vários séculos que as pessoas são definidas pelo que fazem: o carpinteiro, o professor, a costureira, a professora, a médica, o pescador, o escultor, o construtor, a oleira. As circunstâncias são semelhantes nos dias que correm. Quando te perguntam quem és, a tua resposta muito […]

Ler Mais