Sentir

Escrever é sempre escrever, é saciar a alma com palavras e deixar a imaginação fluir.   É uma arte que se cultiva, como uma bela flor, que nasce connosco.   É a falta de ar que vem com cada palavra, cada frase, cada capítulo.   É a impossibilidade de não dedilhar e escrever que determina […]

Ler Mais

Dica #10 – Utiliza a música como veículo emocional

A música produz reações emocionais em nós – desperta-nos alegria, tristeza, raiva, auto-comiseração. Muitas vezes, até selecionamos playlists mais tristes ou alegres para evocar emoções. Muitas vezes, tu, enquanto escritor/a, não te encontras no estado de espírito correspondente ao da cena que estás a escrever. E, aqui, tens duas opções: ou escreves uma cena diferente […]

Ler Mais

Estamos numa discoteca? Acho que me enganei no sítio.

Estou a viver no Reino Unido há quase três anos e gosto de andar a passear pelas lojas, conhecer os seus produtos e deixar-me fascinar por um artigo. Gosto, no geral, da influência que o marketing tem em mim – quando é positivo, claro. Ora, entre Outubro e Dezembro do ano passado, quando em várias […]

Ler Mais

As saudades da praia

A praia invoca a saudade que em mim mora. Estico os dedos e quase lhe toco, na água fria que ondula ao seu ritmo. Inspiro o ar do mar salgado, os meus pulmões abrem-se para a sua chegada. Voo para um lugar que tanto me é familiar. A mente é traiçoeira. Leva-me até aos recantos […]

Ler Mais

Dica #8 – Escreve sobre aquilo que gostas

Escrever é uma jornada. Há descidas divertidas, momentos de êxtase, e também subidas íngremes. E esta jornada torna-se muito mais agradável quando nos sentimos emocionalmente ligado/as ao tema sobre o qual estamos a escrever. Se escreveres sobre o que gostas, vais sentir-te: Mais motivado/a; Mais investido/a; Menos tentado/a a procrastinar; Mais feliz no processo de […]

Ler Mais

O trabalho enquanto identidade

Esta expressão, é certo, não é uma novidade. Desde há vários séculos que as pessoas são definidas pelo que fazem: o carpinteiro, o professor, a costureira, a professora, a médica, o pescador, o escultor, o construtor, a oleira. As circunstâncias são semelhantes nos dias que correm. Quando te perguntam quem és, a tua resposta muito […]

Ler Mais

Mar agitado

Mar, grande mar agitado, tu sacodes as proas dos barcos, despertando-as do silêncio e da quietude.   As nuvens que te sobrevoam adivinham chuva, mas é o vento forte que te faz oscilar assim.   Mar, grande mar, fazes das ondas a tua casa, o teu único refúgio.   E vagueias por este mundo, vivendo […]

Ler Mais

Dica #6 – Cria personagens cativantes

Criar personagens é um processo divertido. Imaginamo-las, aos seus atributos físicos, à sua personalidade, à forma como falam, aos seus nomes e até vestes. Imaginamo-las em situações – ou melhor, nas situações em que as iremos colocar! O processo de criação de personagens é simples. Pensa num ser humano e identifica: Que qualidades tem? E […]

Ler Mais

Uma carta para o amanhã

Inglaterra, 6 de Maio de 2020   Querido Mundo, Escrevo-te esta carta em jeito de desabafo. Sei que presencias o que se passa, tal como eu. Sei que assistes ao sofrimento diário de cada pessoa que em ti habita. Como é carregar esse peso nos ombros? Consegues lidar com toda esta crueldade? Pois eu não. […]

Ler Mais

Dica #5 – Cria rotinas para a tua escrita

A mente humana é feita de hábitos. Os padrões no nosso dia-a-dia são importantes, pois oferecem-nos segurança. De certa forma, encontramos algum conforto na rotina. Na escrita, é importante implementar rotinas em que tenhamos espaço e tempo para refletir. Escrever é um processo imersivo e que exige muita concentração e dedicação. Desta forma, sugiro 4 […]

Ler Mais

Nós, os perdidos

Está a acontecer a olhos vistos. Na minha geração, são dezenas, senão centenas. Afinal, o que se está a passar? É com espanto que olho para as pessoas da minha idade, na casa dos vinte, que não sabem o que fazer da sua vida. Sentem-se perdidos, nenhuma área lhes apraz, apesar de terem uma licenciatura, […]

Ler Mais

Dica #4 – Pensa primeiro na tua história

A tua história é como um bebé para ti. Todos os escritores sonham em tornar física esta sensação de realização – o materializar de uma peça da imaginação em livro. Pensamos em múltiplos aspetos do próprio livro – como será a capa? Qual o tipo de letra do título? De que cor serão as páginas? […]

Ler Mais

O apelo da Primavera

Lá fora, crescem, lentos, os rebentos das flores. Tantas cores, tanta alegria!   As árvores ganham folhas, e tu olhas para a beleza, essa certeza do amanhã.   Os pássaros cantam, livres, tão felizes nas suas vozes, voos velozes e graciosos.   Contemplas a Primavera, nova era deste ano, em tom soprano, límpido.   E […]

Ler Mais