Sobre a imaginação

Como é parte da minha profissão, eu passo muito tempo no mundo imaginário. É um requisito. O meu trabalho requer um desenho quase real de um mundo, de personagens que têm de se assemelhar, tanto quanto possível, a pessoas autênticas, e a situações intensas que eu tenho de saber interpretar e descrever segundo a personalidade […]

Ler Mais

Nós, os perdidos

Está a acontecer a olhos vistos. Na minha geração, são dezenas, senão centenas. Afinal, o que se está a passar? É com espanto que olho para as pessoas da minha idade, na casa dos vinte, que não sabem o que fazer da sua vida. Sentem-se perdidos, nenhuma área lhes apraz, apesar de terem uma licenciatura, […]

Ler Mais

Dica #3 – Começa! Nunca é tarde para começar.

Se o teu sonho é escrever livros e, eventualmente publicá-los, então é porque a escrita te preenche. É porque te traz alegria. É porque precisas dela para viver. E, no entanto, tu praticas a típica auto-sabotagem. Tens receio que não dê certo; que não vais ser publicado/a; que nunca mais vais acabar de escrever este […]

Ler Mais