Genuína emoção

Pergunto-me quantas emoções cabem dentro de um coração ao mesmo tempo. Como quando apanhamos conchas na praia e tentamos segurar tantas ao mesmo tempo que, a certa altura, elas começam a transbordar, caindo de volta na areia. Será possível sentir uma alegria imensa e, ao mesmo tempo, uma tristeza tão grande que quase nos sufoca? […]

Ler Mais

As saudades da praia

A praia invoca a saudade que em mim mora. Estico os dedos e quase lhe toco, na água fria que ondula ao seu ritmo. Inspiro o ar do mar salgado, os meus pulmões abrem-se para a sua chegada. Voo para um lugar que tanto me é familiar. A mente é traiçoeira. Leva-me até aos recantos […]

Ler Mais